Ouvir rádio

Pausar rádio

Offline
Motorista que atingiu bomba em posto morre 1 dia após ter alta médica em SP
19/09/2023 08:24 em NOTÍCIA

O motorista que dirigia o carro que capotou e deixou três mortos em um posto de gasolina neste mês, em Santo Amaro, na zona sul de São Paulo, recebeu alta médica, mas morreu na última sexta-feira (15), um dia após a liberação hospitalar. O caso ocorreu no dia 3 de setembro.

O que aconteceu:

O homem de 28 anos recebeu alta na quinta-feira e a polícia cumpriu um mandado de prisão preventiva (por tempo indeterminado) contra ele em razão do envolvimento no acidente. Ele estava internado desde o dia do ocorrido.

Enquanto aguardava a transferência para a audiência de custódia, o homem passou mal e foi levado ao Hospital do Campo Limpo para atendimento médico, mas não resistiu e morreu. A identidade do rapaz não foi divulgada.

Foram solicitados exames ao IML (Instituto Médico Legal) para auxiliar no esclarecimento do caso, informou a SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública) ao UOL. A causa exata da morte do rapaz não foi informada.

O condutor do automóvel estava embriagado, segundo informado pela pasta anteriormente. Apesar de internado, ele foi preso em flagrante e ficou sob custódia policial na unidade de saúde por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) e lesão corporal culposa, ambos em direção de veículo automotor.

Relembre o caso:

A SSP-SP informou que policiais militares foram acionados para atender um acidente de trânsito com vítima no posto de gasolina. Três pessoas morreram no local do acidente enquanto outras três (incluindo o motorista) foram socorridas ao Hospital Pedreira, UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) Campo Limpo e Hospital Campo Limpo.

Um funcionário do posto de gasolina afirmou que presenciou o acidente e viu o carro se aproximando dos tanques de combustíveis em alta velocidade.

Câmeras de segurança do estabelecimento flagraram o carro colidindo em uma bomba de combustível e três pessoas sendo jogadas para fora do automóvel. Antes de capotar, o veículo havia subido na calçada e colidido contra uma palmeira também, informou a pasta.

No Hospital do Campo Limpo, o motorista (que não teve a identidade revelada) teria dito que estava com a sua esposa e outros quatro amigos em um bar e que todos haviam ingerido bebidas alcoólicas. Ele teria confessado estar em alta velocidade e declarado que perdeu o controle do veículo antes de colidir, de acordo com a SSP.

O motorista fez o teste do bafômetro, que deu positivo. Não foi informado se os outros dois feridos no acidente seguem internados.

Beatriz GomesDo UOL, em São Paulo

18/09/2023 18h11

Atualizada em

18/09/2023 19h39

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!